Última hora

Última hora

Talibãs e Irão preocupam Bush e Karzay

Em leitura:

Talibãs e Irão preocupam Bush e Karzay

Tamanho do texto Aa Aa

Pelo segundo dia consecutivo, George W. Bush conversou com o presidente afegão em Camp David.
As relações com o Irão, e a presença dos talibãs no Afeganistão dominam as conversas. Como os Estados Unidos associam os talibãs à Al-Qaeda, o presidente americano pronunciou-se sobre a organização terrorista para afirmar a sua confiança no trabalho dos serviços secretos, e na possibilidade de levar os cabecilhas da organização perante a Justiça.

Os militares americanos acreditam que Bin Laden se esconde numa zona montanhosa paquistanesa, na fronteira com o Afeganistão. A mesma área que as autoridades militares afegãs associam à presença talibã.

E como os problemas do Afeganistão parecem não se resolver sem o Paquistão, na próxima quinta-feira os dois países realizam a Jirga, uma Assembleia Tradicional. A questão fundamental do encontro prende-se com as bases de terroristas.

Quanto à crise dos reféns sul-coreanos raptados o mês passado, tanto Bush como Karzay defendem que não devem ser feitas concessões aos talibãs, em troca da sua libertação. Os raptores já mataram duas pessoas desse grupo.