Última hora

Última hora

Soldados e rebeldes filipinos confrontam-se de novo em Jolo

Em leitura:

Soldados e rebeldes filipinos confrontam-se de novo em Jolo

Tamanho do texto Aa Aa

Mais de meia centena de mortos, entre os quais 26 soldados, é o balanço dos últimos confrontos entre o exército filipino e os rebeldes do grupo islâmico Abbu Sayaff. O governo de Manila decidiu reforçar o contingente militar na ilha de Jolo, onde há dois dias se travam violentos confrontos entre miliatares e rebeldes. Na noite passada, o exército atacou com raides aéreos as posições dos guerrilheiros do Abu Sayaff e os combates foram suspensos, a pedido do governador, por causa da oração de sexta-feira. Os soldados filipinos dizem estar a confrontar-se com elementos do grupo separatista Abu Sayaff e elementos da Frente de Libertação Nacional Moro, que tinha assinado um acordo de paz com o governo de Manila, em 1996. A situação agravou-se na ilha de Jolo, quando o exército começou a recolher as armas detidas ilegalmente pelos civis.