Última hora

Última hora

Cem dias à procura de Maddie

Em leitura:

Cem dias à procura de Maddie

Tamanho do texto Aa Aa

Na igreja da Aldeia da Luz realizou-se este sábado uma missa em memória da pequena Madeleine Mc Cann e de todas as crianças desaparecidas no mundo. Apesar da presença dos jornalistas, a missa decorreu à porta fechada. Os pais de Maddy pediram à imprensa para respeitar a sua intimidade. Há cem dias que a menina desapareceu do apartamento onde os pais a deixaram com os irmãos gémeos enquanto foram jantar com amigos. Os Mc Cann têm-se desdobrado em contactos internacionais para não deixarem cair a filha no esquecimento, mas voltam sempre à Aldeia da Luz. O padre Haynes Hubbard diz que Kate e Gerry se tornaram parte da comunidade e que é um privilégio rezar com eles, acrescentando: “apesar de tudo o que se diz, não queremos que eles se vão embora enquanto Maddie não voltar”. Tudo o que se diz neste momento é que o inquérito está a mudar de rumo desde que foram descobertas marcas de sangue no apartamento de onde a criança terá sido levada. Mas para a Polícia Judiciária, o enigma do desaparecimento da menina está longe de estar resolvido.