Última hora

Última hora

Duas reféns sul-coreanas libertadas no Afeganistão

Em leitura:

Duas reféns sul-coreanas libertadas no Afeganistão

Tamanho do texto Aa Aa

Os talibã libertaram duas mulheres do grupo dos sul-coreanos raptados no dia 19 de Julho no Afeganistão. Segundo um porta-voz dos insurgentes, as duas mulheres foram libertadas sem condições, num gesto de boa vontade, uma vez que se encontravam doentes. O anúncio da libertação surge no dia em que decorrem negociações directas entre uma delegação do governo sul-coreano e uma delegação dos talibã. Os estudantes fundamentalistas que têm ainda em seu poder 19 cidadãos da Coreia do Sul exigem a troca dos reféns por prisioneiros talibã. Sob pressão internacional, o presidente afegão, Hamid Karzai tem até agora recusado a troca de prisioneiros. Os talibã mataram dois dos 23 reféns iniciais e ameaçaram por diversas vezes matar outros. O governo de Seul tem estado sob forte pressão da opinião pública. No país, as vigilias e manifestações repetem-se. Os coreanos pedem a libertação dos seus e reclamam a retirada sul- coreana do Afeganistão.