Última hora

Última hora

Mercados europeus e Wall Street em alta depois de redução da taxa de desconto dos bancos

Em leitura:

Mercados europeus e Wall Street em alta depois de redução da taxa de desconto dos bancos

Tamanho do texto Aa Aa

Os mercados europeus fecharam em terreno positivo, numa reacção à medida anunciada pela Reserva federal norte-americana de baixar em meio ponto percentual a taxa de desconto usada nos empréstimos aos bancos. A taxa foi reduzida de 6,25 para 5,75%. A FED voltou entretanto a injectar mais liquidez nos mercados financeiros. Esta sexta-feira, foram injectados seis mil milhões de dólares, somando para 94 mil milhões o total de dinheiro colocado a circular, desde 9 de Agosto, para assgurar as transacções. Wall Street continua a operar em terreno positivo, aliás uma realidade que se verificou logo na abertura dos mercados. A redução da taxa de desconto mostra a preocupação da FED perante a instabilidade nos mercados financeiros que pode agravar a crise no sector imobiliário, reduzir o emprego e provocar uma nova recessão económica.