Última hora

Última hora

Piratas do ar rendem-se às autoridades

Em leitura:

Piratas do ar rendem-se às autoridades

Tamanho do texto Aa Aa

Terminou bem o sequestro de um avião na Turquia. Todos os passageiros que seguiam a bordo do avião desviado já foram libertados e os piratas do ar renderam-se às autoridades. O aparelho da Atlas Jet, que se dirigia do norte de Chipre para Istambul, foi desviado por por um turco e um palestiniano.

Forçada pelos dois passageiros, a aeronave pousou em Antalia para encher os depósitos. O bombardier fazia a ligação entre Ercan no norte de Chipre, apoiado pela Turquia, e Istambul. Os piratas do ar desejavam dirigir-se para Teerão, a capital do Irão.

O presidente da companhia aérea afirmou que depois do avião ter “entrado no espaço aéreo turco, uma pessoa tentou forçar a porta do cockpit”. O piloto comunicou com os homens e aterrou em segurança em Antalia. Algumas informações não são ainda seguras. Há indicações de que o piloto terá fugido aquando da libertação da maioria dos reféns impossibilitando o regresso do avião aos céus. O aparelho da Atlas jet transportava 136 passageiros e 6 tripulantes quando foi desviado