Última hora

Última hora

Dean desloca-se para a Jamaica e já matou cinco pessoas

Em leitura:

Dean desloca-se para a Jamaica e já matou cinco pessoas

Tamanho do texto Aa Aa

O Dean deixou a República Dominicana e, no total, já morreram cinco pessoas nas ilhas caribenhas por onde passou o furacão. Dezenas de casas foram danificadas, centenas de pessoas deslocadas para refúgios. Os ventos do Dean atingem os 240 quilómetros por hora, toda a tempestade desloca-se com destino ao México a uma velocidade de aproximadamente trinta quilómetros hora.

A Jamaica será o próximo país a ser assolado pelo furacão e o preparativos estão em marcha. Para além de se tentarem proteger da melhor forma possível da tempestade, os supermercados têm registado vendas acima do normal com a população a comprar artigos de primeira necessidade para alguns dias.

Cuba deslocou milhares de pessoas da parte oriental da ilha, mais exposta aos efeitos do furacão. Os turistas que tinham planeado ir para o México nesta altura, o melhor mesmo é adiarem a viagem. As autoridades não deixam entrar mais ninguém, e dos 80 mil turistas, cerca de 90 por cento já terão deixado o país.

As representações diplomáticas de Portugal em Cuba e no México estão de prevenção em caso de ser necessário apoio urgente a portugueses que estejam em particular na ilha de Cancun.