Última hora

Última hora

Madre Teresa de Calcutá relembrada dez anos após a sua morte

Em leitura:

Madre Teresa de Calcutá relembrada dez anos após a sua morte

Tamanho do texto Aa Aa

Madre Teresa de Calcutá continua a ser lembrada em todo o mundo. Milhares de devotos seguidores das missionárias da Caridade evocam hoje os dez anos após a morte daquela que ficou conhecida como o “anjo dos pobres. Mas é em Calcutá, na sede principal da ordem, por ela fundada, que as cerimónias mais se fazem sentir.

A irmã Nirmala, a sucessora, fez um apelo “para se rezar pela madre Teresa, pela sua inspiração para todos, e para que as nossas vidas possam ser agraciadas com o dom de amar o próximo, em especial os pobres e os negligenciados”. Os seguidores da congregação das Missionárias da Caridade pretendem a canonização da madre. Numa altura em que nos Estados Unidos é lançado um livro que revela que madre Teresa teve dúvidas sobre a existência de Deus.

Um livro chamado “Madre Teresa: Come Be My Light”, onde se inserem cartas da missionária dirigidas a colegas e superioras. Madre Teresa de Calcutá nasceu em Skopje, capital da antiga república jugoslava da Macedónia. Entre os vários reconhecimentos por uma vida em prole dos mais necessitados, foi galardoada com o prémio Nobel da Paz.

Morreu a 5 de Setembro de 1997. Seis anos após a sua morte, o papa João Paulo segundo beatificou-a. Milhares de seguidores aguardam agora que o Vaticano a declara Santa.