Última hora

Última hora

Líderes da Ásia-Pacífico apelam ao relançamento das negociações de Doha

Em leitura:

Líderes da Ásia-Pacífico apelam ao relançamento das negociações de Doha

Tamanho do texto Aa Aa

Os dirigentes da zona Ásia-Pacífico instaram os países a relançar as negociações para a liberalização das trocas comerciais.

A retomada das negociações da ronda de Doha bloqueadas há meses foi o tema principal do último dia da cimeira em Sidney.

O anfitrião o primeiro-ministro australiano, John Howard, formulou o apelo:

“Chegámos a acordo sobre uma declaração em que afirmamos o nosso apoio à ronda de Doah e apelamos urgentemente a todos os países envolvidos para que renovem os seus esforços”, disse o chefe do executivo australiano.

Este sábado, os 21 líderes chegaram a acordo sobre a necessidade de estabelecer objectivos de longo prazo para reduzir os gases com efeito de estufa.

O documento afirma que todas as nações, desenvolvidas e em vias de desenvolvimento devem contribuir de acordo com as suas capacidades para reduzir os gases com efeito de estufa.

Mas, para muitos analistas, o acordo é uma desilusão porque não fixa qualquer compromisso vinculativo.

Rodeadas por uma forte cintura de segurança, entre cinco a 10 mil pessoas manifestaram-se contra as políticas ambientais e militares das grandes potências, em especial a recusa de Camberra e Washington em assinar o protocolo de Quioto e a guerra no Iraque levada a cabo pelos Estados Unidos.