Última hora

Última hora

Autoridades em busca das causas do acidente de Phuket

Em leitura:

Autoridades em busca das causas do acidente de Phuket

Tamanho do texto Aa Aa

Depois do acidente que vitimou 89 pessoas em Phuket, o inquérito para apurar as causas. Equipas de investigação passaram esta segunda feira as ruínas carbonizadas do avião MD-82 a pente fino. As duas caixas negras do aviâo foram encontradas, mas os resultados só deverão ser conhecidos dentro de uma semana.

As famílias das vítimas tentam reconhecer os cadáveres dos entes queridos, quando ainda restam seis corpos por identificar.

O avião da companhia tailandesa de baixo custo One-two-go fazia a ligação entre Banguecoque e Phuket, quando falhou a aterragem no aeroporto da conhecida estância balnear.

A bordo seguiam 130 pessoas, entre os quais 7 tripulantes. O último balanço fala na morte de 57 cidadãos estrangeiros e 42 sobreviventes hospitalizados.

O governo tailandês ordenou um “inquérito rigoroso” às causas do acidente. O mau tempo e as chuvas fortes foram apontadas como as primeiras causas possíveis.

O primeiro-ministro tailandês anunciou que o governo é totalmente responsavel pela identificação dos corpos, pela remoção dos destroços e pela reabertura do aeroporto, bem como pela salvaguarda dos passageiros que ficaram feridos.

O chefe de governo, que se encontrou com as famílias das vítimas, assegurou ainda que as normas aeronáuticas tailandesas correspondem totalmente aos requisitos internacionais.