Última hora

Última hora

Al-Qaida reivindica atentado na Argélia

Em leitura:

Al-Qaida reivindica atentado na Argélia

Tamanho do texto Aa Aa

Um ataque suicida cometido com uma viatura carregada com mais 250 quilos de explosivos nos arredores de Lakhadria, na Argélia, provocou ferimentos em 9 pessoas, incluindo 3 estrangeiros – dois franceses e um italiano. O atentado foi reivindicado pela al-Qaida do Magreb Islâmico. Numa carta enviada à televisão al-Arabya, a organização terrorista assumiu a autoria e indicou ter tirado a vida a três estrangeiros.

Uma fonte ligada às forças de segurança argelinas, citada pela agência France Press confirmou não ter havido mortos. Este atentado surge um dia depois do braço direito de Osama Bin Laden, Ayman al-Zawahri ter instado os muçulmanos do Norte de África a “limpar” a região dos estrangeiros, em especial franceses e espanhóis. Este é o terceiro atentado reivindicado pela Al-Qaida este mês. Uma onda de ataques que provocou pelo menos 50 mortos.