Última hora

Última hora

Carla Del Ponte avalia empenho sérvio na caça a criminosos de guerra

Em leitura:

Carla Del Ponte avalia empenho sérvio na caça a criminosos de guerra

Tamanho do texto Aa Aa

A adesão da Sérvia à União europeia continua a depender da colaboração das autoridades com o Tribunal Penal Internacional. A três meses de terminar o mandato, a procuradora-geral do TPI, Carla Del Ponte, concluiu hoje uma visita ao país para fazer um novo balanço dos esforços de Belgrado para capturar criminosos de guerra foragidos.

As conclusões de Del Ponte vão ser entregues à Comissão Europeia nas próximas semanas. Bruxelas deverá então decidir se prossegue as negociações para a assinatura de um acordo de associação com a Sérvia, retomadas em Junho. Segundo a imprensa Sérvia, face à dificuldade em capturar Ratko Mladic e Radovan Karadzic, Del Ponte poderá exigir a Belgrado a detenção de outros dois responsáveis sérvios foragidos – Goran Hadzjc e Stojan Zupljanin.

Uma informação que parece no entanto distante do empenho de Del Ponte, que em 8 anos de mandato, não tem poupado esforços, críticas e pressões para caçar Mladic e Karadzic.