Última hora

Última hora

Nacionalistas belgas manifestam-se contra partição do país

Em leitura:

Nacionalistas belgas manifestam-se contra partição do país

Tamanho do texto Aa Aa

Uma cerimónia evocativa da independência da Bélgica transformou-se este ano numa manifestação contra a divisão do país. Cerca de um milhar de pessoas juntou-se aos membros de uma organização nacionalista que, todos os anos, promove na capital uma celebração da revolução que expulsou os holandeses do país em 1830.

A Bélgica encontra-se sem governo há mais de 100 dias. A falta de consenso entre partidos flamengos e francófonos, tem radicalizado a opinião pública na Flandres que pede a partição do país. Um manifestante flamengo, afirma que, “há muitos flamengos que são por uma Bélgica unida, mas são mais discretos e nem sempre o defendem em público”.

Outro afirma que, “o país está a atravessar uma crise ou pseudo-crise política que é organizada por loucos. Querem todo o poder para eles e vão mergulhar o país na miséria. E se hoje nos manifestamos é para dizer que não toquem na nossa Bélgica”.

Na base da crise política está a recusa dos partidos francófonos em aceitar as exigências dos flamengos em transferir mais poderes do Estado para as regiões. As últimas sondagens mostram que 46% dos flamengos estão a favor da divisão do país, e que três quartos crêm que a Bélgica está condenada a desaparecer.