Última hora

Última hora

Alemães regressam ao trabalho

Em leitura:

Alemães regressam ao trabalho

Tamanho do texto Aa Aa

O desemprego continua a baixar na Alemanha. As listas perderam 50.000 pessoas em Setembro e taxa actual situa-se nos 8,8 por cento, uma descida de duas décimas relativamente ao mês precedente. Os números anunciados pelo Gabinete Federal do Trabalho representam o nível mais baixo de desemprego no país nos últimos 14 anos.

Estes números provam o bom desempenho da economia germânica que no espaço de um ano reduziram em 700.000 o número de desempregados. Inscritos nos centros de emprego estão agora pouco mais de três milhões e meio de pessoas.

Uma das razões apontadas para esta queda do desemprego é a reforma do mercado laboral efectuada pelo anterior chanceler Gerhard Schroeder. Com o chamado plano Hartz IV os desempregados viram substancialmente reduzidos os subsídios e apertaram os critérios para se beneficiar de ajudas sociais. Sem dinheiro do Estado aceitar um trabalho torna-se mais fácil.