Última hora

Última hora

Equador elege assembleia constituinte

Em leitura:

Equador elege assembleia constituinte

Tamanho do texto Aa Aa

Os equatorianos votam este domingo para eleger a primeira assembleia constituinte da República do Equador. O novo organismo é uma iniciativa do presidente Rafael Correa aprovada em referendo por mais de 80 por cento do eleitorado a 15 de Abril. “O processo que o Equador atravessa é completamente democrático, e não apenas isso, estas eleições e o processo para a assembleia constituinte é o processo mais democrático da história do equador”, afirmou o líder equatoriano.

Os líderes da oposição criticam a iniciativa de Correa, que dizem ter sido concebida para retirar o poder legislativo ao Congresso. Uma ideia confirmada pelo chefe de Estado e de Governo que afirma querer dissolver o parlamento e limitar a influência dos partidos tradicionais.

A assembleia costituinte será composta por 130 assentos e ficará encarregue de redigir a nova constutuição do País. O presidente tenciona reforçar o seu mandato para cumprir promessas de um aumento do controlo do Estado sobre a economia e os recursos naturais do Equador.