Última hora

Última hora

Comunidade romena prostesta em Roma

Em leitura:

Comunidade romena prostesta em Roma

Tamanho do texto Aa Aa

Acusada de contribuir para o aumento da criminalidade em Itália a comunidade romena manifesta-se na Praça Veneza, no centro da cidade. O chefe do conselho Romano Prodi avisa que “não deseja crimes por parte de nenhuma pessoa e todos os estrangeiros devem respeitar as leis do pais”. O governo realçou os beneficios da presença dos emigrantes no país mas não ignorou a questão da criminalidade associada a pequenos grupos de imigrantes.

O presidente do partido da Roménia em Itália liderou a manifestação para pedir que não façam generalizações e que separem os bons romenos, os que trabalham honestamente, dos outros criminosos. À manifestação juntaram-se trabalhadores romenos, marroquinos e chineses numa altura em que se verifica uma crescente vaga de comentários negativos contra os emigrantes no pais.

Os estrangeiros representavam 5 por cento da população italiana em Janeiro deste ano, o que aponta para um acréscimo de 0,5 por cento em relação ao ano anterior.