Última hora

Em leitura:

Polícia espanhola detém dirigentes do Batasuna


mundo

Polícia espanhola detém dirigentes do Batasuna

As autoridades espanholas detiveram a cúpula dirigente do Batasuna. A detenção das vinte e duas figuras do braço político ilegalizado da ETA ocorreu quando realizavam uma reunião em Segura, no País Basco, destinada a escolher os novos líderes do partido. A operação foi ordenada pelo juíz da Audiência Nacional espanhola Baltazar Garzón e justificada pela interdição de actividade política decretada ao Batasuna há cinco anos. Os antigos líderes da formação são acusados de “reincidência em delito” e os novos dirigentes de pertencerem a uma organização terrorista. Vários detidos foram trasladados a San Sebástian.

O Batasuna sofre assim um duro golpe, quatro meses depois da ETA anunciar o fim da trégua. As detenções desta noite acontecem dois dias depois de Madrid ter ordenado a captura de um porta-voz do Batasuna e de uma representante da organização de apoio aos presos da ETA Askatasuna.

Os dois políticos são acusados de participar numa manifestação não autorizada pelo governo regional basco, que decorreu no dia 9 de Setembro em San Sebastián.

O protesto foi rapidamente dispersado pela polícia, mas degenerou em violência entre jovens independentistas radicais e elementos das autoridades.

Saiba mais:

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Maquinistas admitem voltar a paralisar na próxima semana