Última hora

Última hora

Batalha campal em Berna

Em leitura:

Batalha campal em Berna

Tamanho do texto Aa Aa

A contagem decrescente para as eleições federais na Suiça, dentro duas semanas, começa sob o signo da violência. O desfile dos populistas da UDC de Chisthopher Boch foi atrapalhado pelos militantes de extrema esquerda que tentavam impedir a manifestação e não tardou a que tudo isto degenerasse em confrontos. O líder da UDC que encabeçava o cortejo de cinco mil apoiantes acusou os manifestantes de ataque à liberdade de expressão.

Algumas das medidas defendidas pela UDC, como a expulsão de estrangeiros que cometeram crimes, são consideradas xenófobas pelos outros partidos da esquerda. A Juventude socialista demarcou-se da violência e garante ter organizado a contra-manifestação para pedir uma Suíça mais tolerante. O protesto, que reuniu cerca de duas mil pessoas, não tinha sido autorizado.