Última hora

Última hora

Cameron critica "recuo" de Gordon Brown

Em leitura:

Cameron critica "recuo" de Gordon Brown

Tamanho do texto Aa Aa

Gordon Brown não convocará eleições legislativas antecipadas este Outono. Sondagens divulgadas na última semana mostram que a vantagem dos trabalhistas face à oposição conservadora tem vindo a diminuir. O primeiro-ministro britânico explicou-se perante o país defendendo que tem uma visão de mudança para Grã-Bretanha:“O que eu quero é mostrar às pessoas o que temos para o futuro em matéria como alojamento, saúde e educação e quero a oportunidade de desenvolver tudo isso no meu mandato e mostrar às pessoas que a nossa política irá fazer a grande diferença”.

Brown substituiu Tony Blair como primeiro-ministro em Junho e não tem que convocar eleições legislativas até Maio de 2010, mas nas últimas semanas surgiram rumores de que poderia convocar um escrutínio antecipado para obter um mandato de cinco anos em seu nome e aumentar a maioria trabalhista no Parlamento.

Para o líder da oposição David Cameron “ este recuo foi a demonstração de uma grande fraqueza e indecisão (…) e um humilhante recuo”. Cem dias após a sua chegada a Downing Street Brown beneficiou de uma taxa de popularidade bastante superior à de Cameron, após ter gerido com habilidade várias crises durante o Verão atentados, inundações, febre aftosa. Na segunda-feira, falará no Parlamento sobre o Iraque. E, logo no dia seguinte, deverá informar a rainha Isabel II sobre das suas intenções políticas.