Última hora

Última hora

Turquia pondera ofensiva no norte do Iraque contra o PKK

Em leitura:

Turquia pondera ofensiva no norte do Iraque contra o PKK

Tamanho do texto Aa Aa

O governo turco admite a possibilidade de uma incursão militar em larga escala no norte do Iraque, para combater as bolsas da guerrilha independentista curda.

A possibilidade encontra-se a ser ponderada como uma retaliação aos ataques do PKK no sul do país, que vitimaram 15 militares turcos nos últimos dias.

O primeiro-ministro turco Recep Tayyip Erdogan, reuniu-se hoje com o Conselho Superior da Luta Contra o Terrorismo, para tomar medidas para combater a guerrilha separatista.

O ministro da Defesa turco afirmou que poderá pedir ao parlamento a autorização para lançar uma ofensiva em larga escala no curdistão iraquiano.

Segundo informações não confirmadas, o exército turco teria bombardeado durante a noite de segunda-feira a aldeia de Dera Loc, no Iraque.

A Casa Branca, veio hoje a público apoiar a retaliação turca, sem no entanto fazer referência à possibilidade de uma incursão na fronteira iraquiana.

Para o governador de Arbil, capital do território autónomo curdo do Iraque, “se as tropas turcas ponderam entrar nesta área, estão a tomar a decisão errada. Uma acção como estas poderá levar a muitas perdas e danos dos dois lados”.

Bagdade reagiu hoje às intenções turcas, afirmando que o acordo de segurança assinado há um mês com Ancara, é a melhor maneira de travar os ataques dos independentistas.

O aumentar da tensão, surge a um mês dos curdos iraquianos organizarem um referendo, com o apoio norte-americano, ao reforço da autonomia da região.

A Turquia teme que esta autonomia vá de encontro às reivindicações independentistas dos curdos que habitam no sul do país.