Última hora

Última hora

Franceses divididos acerca do divórcio do presidente

Em leitura:

Franceses divididos acerca do divórcio do presidente

Tamanho do texto Aa Aa

O divórcio anunciado do casal Sarkozy suscitou reacções distintas entre a população francesa.

Nas ruas de Paris, há quem defenda que se trata de uma questão privada do casal. Um homem afirma que “é um assunto privado” e que Nicola e Cecilia Sarkozy estão a “gerir correctamente” a situação, “tentando, enquanto figuras públicas, afectar o menos possível a população”. Acrescenta que se deve “deixá-los lidar com os seus próprios problemas”.

Uma mulher diz que o presidente “mostrou que é um ser humano como qualquer outro, com uma família moderna onde se insere a perspectiva do divórcio”. Sublinha que o que a “surpreende” é o facto de “uma mulher que é esposa do presidente francês”, o que considera “uma situação bastante boa, decida partir”.

Outra residente de Paris afirma que “não é a favor” da separação, mas que se trata de “uma questão de amor e se não funciona, não se pode forçar. Separam-se e é tudo”.

Outro parisiense defende que “é a vida privada” do chefe de Estado e algo que “pode acontecer a qualquer pessoa”. Num tom humorístico, acrescenta que “poderá vir a haver outra” Primeira Dama no Eliseu.