Última hora

Última hora

Terceira greve dos maquinistas alemães em duas semanas

Em leitura:

Terceira greve dos maquinistas alemães em duas semanas

Tamanho do texto Aa Aa

Os maquinistas dos caminhos-de-ferro alemães estão a cumprir a terceira jornada de greve em duas semanas. E para amanhã, e para a próxima segunda-feira e quarta-feira estão marcadas mais paralisações.

O protesto provocou perturbações do tráfego ferroviário regional e suburbano, em particular no leste da Alemanha, nas horas de ponta.

Uma representante dos caminhos-de-ferro Deutshe Bahn diz que até ao momento não registou protestos de passageiros.

Esta greve foi convocada depois do sindicato dos maquinistas GDL ter rejeitado a oferta de melhores condições salariais e de trabalho da Deutsh Bahn.

A empresa ferroviária ofereceu aumentos de 10 % a partir do próximo ano e um prémio de 2 mil euros em troca do reforço das horas de trabalho.

O GDL exige aumentos na ordem dos 30 % e menos uma hora laboral.