Última hora

Última hora

Polacos vão às urnas para legislativas cruciais para futuro do país

Em leitura:

Polacos vão às urnas para legislativas cruciais para futuro do país

Tamanho do texto Aa Aa

Cerca de 30 milhões de polacos votam este domingo para eleger 460 deputados e cem senadores. A taxa de participação será determinante para o resultado destas legislativas antecipadas, transformadas num referendo ao poder dos gémeos Kaczynski. O presidente Lech Kaczynski só termina o mandato em 2010. O cargo é, sobretudo, honorífico mas até agora tinha muita influência, que corre o risco de perder em caso de derrota do irmão, Jaroslaw, primeiro-ministro cessante.

Segundo as sondagens, os conservadores do Partido Lei e Justiça vão perder para os liberais liderados por Donald Tusk. A Plataforma Cívica centrou o discurso na economia para evitar a fuga de mais polacos para o estrangeiro. Desde a adesão à União Europeia, em 2004, a Polónia viu partir cerca de dois milhões de cidadãos.

Nos últimos dois anos, o país teve um crescimento económico elevado, mas em termos políticos viveu em turbulência, o que acabou na queda da coligação governamental liderada por Jaroslaw Kaczynski.