Última hora

Última hora

Alcatel Lucent prevê novos despedimentos

Em leitura:

Alcatel Lucent prevê novos despedimentos

Tamanho do texto Aa Aa

A Alcatel Lucent vai apresentar um plano de rigor que deve implicar o fim de entre entre 2000 e 6000 postos de trabalho, sobretudo nos Estados Unidos. O Conselho de Administração do grupo franco-norte-americano esteve reunido esta terça-feira, mas os resultados só vão ser conhecidos numa conferência de imprensa que a presidente Patricia Russo vai dar esta quarta-feira à hora do almoço.

O anúncio vai coincidir com a apresentação dos números do terceiro trimestre, que se prevêem em queda. A Alcatel-Lucent já emitiu três alertas sobre lucros, este ano. A confirmar-se, o corte no quadro vem juntar-se à redução de 12.500 postos de trabalho que o grupo está a empreender.

Em França, onde o grupo está sediado, os trabalhadores prevêem um dia de greve, com os sindicatos a pedirem o afastamento de Russo. No actual plano, está previsto o fim de 1500 empregos no país.