Última hora

Última hora

Protestos de rua revelam "anti-americanismo" crescente dos turcos

Em leitura:

Protestos de rua revelam "anti-americanismo" crescente dos turcos

Tamanho do texto Aa Aa

Centenas de pessoas manifestaram-se frente à embaixada dos Estados Unidos em Ancara para protestar contra a visita, amanhã, de Condoleeza Rice ao país. A Secretária de Estado norte-americana tem sido uma das vozes mais críticas da ofensiva militar contra os rebeldes curdos, defendida no entanto pela maioria da opinião pública.

Desde há vários dias que manifestações exigem nas ruas uma resposta imediata do exército à morte de cerca de 40 turcos, nas últimas semanas, na sequência de ataques dos rebeldes do PKK. A crise recente aumenta a revolta contra Washington, após o Congresso ter recentemente aprovado uma resolução que reconhece o genocídio arménio, negado pela Turquia.

Segundo uma sondagem do Pew Reseach Center, publicada hoje nos media norte-americanos, 83% da população turca tem uma imagem negativa dos Estados Unidos. Um descontentamento que tem vindo a crescer desde os atentados de 11 de Setembro, e que segundo a mesma sondagem, coloca a Turquia no topo dos dez países mais “anti-americanos” do mundo.