Última hora

Última hora

Benazir Bhuto impedida de sair de casa

Em leitura:

Benazir Bhuto impedida de sair de casa

Tamanho do texto Aa Aa

A líder da oposição paquistanesa Benazir Bhutto foi impedida de sair de sua casa em Islamabad esta sexta-feira. As autoridades do Paquistão submeteram a antiga primeira-ministra a um período de prisão domiciliária para evitar que se dirigisse a Rawalpindi para um comício anti-governamental, depois de a dirigente ter apelado à realização de um protesto contra o estado de emergência.

Enquanto a polícia detinha apoiantes de Bhuto à porta da residência, os confrontos e a violência sucediam-se noutros pontos do país. Um atentado suicida matou pelo menos duas pessoas na casa de um ministro paquistanês. O ataque teve lugar na província de Peshawar.

Entretanto, em Rawalpindi, apesar do estado de emergência decretado pelo Governo de Musharraf no Sábado, centenas de activistas exigiram que o presidente marcasse uma data para as eleições. Segundo números divulgados pelo ministério do interior, desde que o estado de emergência está em vigor foram detidas duas mil e quinhentas pessoas.