Última hora

Última hora

Austrália tem novo primeiro-ministro

Em leitura:

Austrália tem novo primeiro-ministro

Tamanho do texto Aa Aa

O líder trabalhista, Kevin Rudd vai ser o próximo primeiro-ministro australiano. Os primeiros resultados oficiais das legislativas dão uma uma larga maioria, ao partido trabalhista com mais de 53% dos votos pondo, assim, fim a 11 anos de poder do conservador John Howard. No primeiro discurso oficial, Kevin Rudd disse que “esta é a geração que hoje agarra as oportunidades para investir no país amanhã e que essa é a missão oficial do novo governo”. O líder trabalhista afirma, ainda, contar com a colaboração de todos para levar a cabo esta tarefa. “A missão não será fácil”, mas garante estar pronto para a pôr mãos à obra.

De acordo com a Comissão eleitoral, o partido trabalhista terá conseguido até ao momento 63 dos 150 assentos que integram a câmara baixa do Parlamento. John Howard, da coligação Liberal conservadora não terá conseguido mais de 46% dos votos e já assumiu a derrota. A postura em relação a questões como o Protocolo de Quioto e a retirada das tropas do Iraque terão penalizado o político de 68 anos.

O primeiro-ministro que concorria a um quinto mandato era, também, críticado por nada fazer pela população aborígena e de reduzir as liberdades civis em nome da luta contra o terrorismo.

As legislativas deste sábado ficam marcadas por uma elevada taxa de participação, num país onde o voto é obrigatória e os infractores estão sujeito a uma multa.