Última hora

Última hora

Pervez Musharraf abandona chefia militar

Em leitura:

Pervez Musharraf abandona chefia militar

Tamanho do texto Aa Aa

Pervez Musharraf demitiu-se do cargo de chefe das Forças Armadas. Numa cerimónia em Rawalpidi, o presidente paquistanês passou o comando militar ao general Ashfaq Kiyani, antigo responsável pelos serviços secretos. Cedendo à pressão interna e internacional, Pervez Musharraf retira-se da vida militar activa para tornar-se num chefe de estado civil.

A cerimónia de tomada de posse do mandato presidencial está prevista para amanhã. A separação entre poder civil e militar visa dar lugar a uma nova fase democrática no Paquistão que desde a independência tem sido governado por generais.

O país atravessa há vários meses uma crise política que se agudizou a 3 de Novembro com a declaração do estado de emergência. Musharraf considerou que a suspensão das liberdades constitucionais era necessária para travar a deriva extremista e pôr fim às interferências do meio judicial no governo.

Musharraf acedeu ao poder em 1999 no seguimento de um golpe de Estado.