Última hora

Última hora

Fim da campanha eleitoral na Rússia

Em leitura:

Fim da campanha eleitoral na Rússia

Tamanho do texto Aa Aa

Esta sexta-feira os partidos mais pequenos fizeram um último esforço antes das legislativas de domingo. Os comunistas, liderados por Gennadi Zyuganov, devem conseguir ultrapassar a barreira dos sete por cento que dá direito a eleger deputados para a Duma.

Os ultranacionalistas, que conseguiram mais de onze por cento há quatro anos, lutam arduamente para manter uma presença na câmara baixa do parlamento. Longe vão os tempos em que Vladimir Jirinovsky entusiasmava multidões. O líder da extrema-direita conseguiu juntar poucos moscovitas no último comício mas os analistas acreditam que consiga arrancar os votos necessários para eleger deputados para a Duma.

Quem parece estar excluído desta batalha é o partido liberal Yabloko. A formação dirigida por Gregori Jawlinski nem sequer é creditada pelos institutos de sondagem porque o valor obtido é inferior aos três por cento da margem de erro.

A grande incógnita destas eleições é afinal a taxa de participação num escrutínio onde a vitória da Rússia Unida é dada como adquirida por todos.