Última hora

Última hora

Novartis corta quadro de pessoal

Em leitura:

Novartis corta quadro de pessoal

Tamanho do texto Aa Aa

A Novartis vai eliminar 2500 empregos, no quadro de um plano de reestruturação que deve permitir poupar mais de mil milhões de euros por ano.

O anuncio foi feito esta quinta-feira pela farmacêutica suíça. Este plano, baptizado “forward”, segue-se a uma quebra nos lucros e vai ser aplicado ao longo dos próximos dois anos. O custo está estimado em cerca de 400 milhões de euros.

A Novartis começou o ano com um resultado de 1,6 mil milhões de euros, nos primeiros três meses do ano. Os números estiveram depois a caír, com 1,4 mil milhões no segundo trimestre e mil e 1,1 mil milhões nos meses de Julho a Setembro.

A Novartis tem-se deparado com várias adversidades. A mais importante de todas é a concorrênia dos medicamentos genéricos. A Novartis enfrenta também custos mais altos e medidas regulatórias mais apertadas.

A Novartis viu um medicamento ser retirado do mercado norte-americano, em Março, e mais recentemente três outros medicamentos passaram a enfrentar a concorrência de genéricos.

Este ano, as acções da Novartis, na bolsa de Zurique, perderam cerca de 8%.