Última hora

Última hora

Comissão eleitoral russa reduz lista de candidatos presidenciais para seis nomes

Em leitura:

Comissão eleitoral russa reduz lista de candidatos presidenciais para seis nomes

Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades eleitorais reduziram o rol de pretendentes ao Kremlin na corrida presidencial russa do próximo ano.

Foram rejeitadas as inscrições de sete candidatos independentes, entre os quais Vladimir Bukovsky, um dos mais famosos dissidentes soviéticos. A Comissão Eleitoral justificou a rejeição pelo facto de Bukovsky não residir na Rússia há mais de 10 anos.

Outro dos nomes sonantes afastados da corrida é Garry Kasparov. O ex-campeão mundial de xadrez renunciou de livre vontade após denunciar a multiplicação de boicotes à sua candidatura.

O ex-primeiro-ministro Mikhail Kasyanov, o líder do partido democrático Andrei Bogdanov e o liberal Boris Nemtzov têm até Janeiro para reunir dois milhões de assinaturas.

Já confirmado está o ultra-nacionalista Vladimir Jirinovsky, tal como o líder comunista Guennadi Zyuganov.

Mas o mais forte pretendente para a sucessão de Vladimir Putin é indiscutivelmente o actual vice-primeiro-ministro Dmitri Medvedev, que conta com o apoio do chefe de Estado e todo o aparelho político do Kremlin.