Última hora

Última hora

Natal também celebrado, em Belém, na Cisjordânia, a cidade onde nasceu Jesus.

Em leitura:

Natal também celebrado, em Belém, na Cisjordânia, a cidade onde nasceu Jesus.

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de turistas assistiram às celebrações,, mas a presença mais notada foi a do presidente palestiniano. Mahmoud Abbas assistiu a uma missa de Natal e formulou votos de que 2008 seja o ano da paz e da estabilidade no Médio Oriente. Foi mais longe e disse mesmo que, se Deus quiser, 2008 será o ano da independência do Povo palestiniano.

Elogiou o regresso ao roteiro da paz. Uma paz que está ainda distante, como provam as centenas de agentes da polícia palestinana que patrulharam as ruas da cidade. Esta segunda-feira ficou também marcada por nova ronda de negociações de paz que não produziram qualquer progresso.

O arcebispo de Jerusalem, entretanto, deixou uma apelo à reconciliação entre israelitas e palestinianos. Michel Sabah criticou a ocupação dos territórios árabes pelo exército hebraico e a existência de presos políticos.

Falou tambem aos cristãos, dizendo-lhes que têm um lugar, na cidade natal de Jesus. Apesar da instabilidade, a cidade de Belém tem recuperado parte do enorme fluxo turístico, afectado, durante os anos da intifada.

A isto, juntou-se também a barreira de segurança imposta pelo exército israelita e que, inclusivamente, impedia a circulação dos habitantes de Belém, pelo território da Cisjordânia.