Última hora

Última hora

Clara Rojas em liberdade - espera agora que a mesma sorte contemple outros prisioneiros das FARC.

Em leitura:

Clara Rojas em liberdade - espera agora que a mesma sorte contemple outros prisioneiros das FARC.

Tamanho do texto Aa Aa

A libertação de Ingrid Betancourt e de outros reféns pode acontecer dentro de horas – uma esperança, à espera da confirmação do presidente da Venezuela. Hugo Chavez anunciou, para as 15 e 30 desta quarta-feira, hora de Lisboa, uma conferência de imprensa, para falar do assunto.

Na noite do dia de Natal, o mediador Chavez telefonou ao Presidente francês. O Eliseu confirmou que a conversa com Nicolas Sarkozy versou o assunto, mas não acrescentou detalhes. Recorde-se que Betancourt tem ascedência francesa.

O marido espera agora rever a mulher, depois de sete anos de cativeiro.

“O presidente Chavez vai anunciar a logística e outros detalhes da libertação. Eu espero que ele dê outras notícias. Eu espero que haja mais notícias. É a esperança que eu tenho. Com certeza, eles vão referir-se a três pessoas, mas eu espero que eles falem também dos outros reféns”.

As próximas horas parecem ser decisivas para o futuro da ex-senadora e ex-candidata à presidência da Colombia.

Podem ver-se finalmente os resultados das vigílias pela liberdade de uma mulher que, a 24 de Dezembro, completou 47 anos.