Última hora

Última hora

Dezenas de milhares de pessoas defendem "valores da família" em Madrid

Em leitura:

Dezenas de milhares de pessoas defendem "valores da família" em Madrid

Tamanho do texto Aa Aa

Uma multidão encheu a praça Colon em Madrid para defender os valores da família tradicional.

O encontro durou quatro horas e foi convocado pela Igreja Católica.

Os organizadores da iniciativa intitulada “Acto pela família” transmitiram em directo imagens do papa Bento XVI que endereçou uma curta mensagem aos participantes.

O arcebispo de Madrid teceu fortes críticas às actuais políticas em matéria de família, tal como o casamento homossexual e a nova legislação que facilita o processo de divórcio.

Antonio Maria Rouco Varela classificou o matrimónio “entre um homem e uma mulher como um valor insubstituível enquanto célula primeira e vital da sociedade”.

O arcebispo madrileno apelou para que “este valor se enraíze na opinião pública, na estima popular, na avaliação política e na legislação do Estado”.

A poucos meses das legislativas, vários sectores da sociedade espanhola criticaram a Igreja por estar a organizar uma manifestação política.

O governo socialista de Jose Luis Zapatero aprovou várias medidas condenadas pelos católicos, autorizando nomeadamente o casamento homossexual.