Última hora

Última hora

Sarkozy suspende diálogo com Síria até que Damasco apoie eleição presidencial libanesa

Em leitura:

Sarkozy suspende diálogo com Síria até que Damasco apoie eleição presidencial libanesa

 Sarkozy suspende diálogo com Síria até que Damasco apoie eleição presidencial libanesa
Tamanho do texto Aa Aa

Nicolas Sarkozy aproveitou a visita ao Egipto para definir a posição de França no Médio Oriente, nomeadamente endurecendo o discurso face à Síria. O presidente francês disse que vai suspender as relações com Damasco enquanto o regime de Bashar Al-Assad não apoiar a eleição de um novo presidente no Líbano.

O Parlamento libanês ainda não conseguiu eleger o chefe de Estado, devido ao conflito entre a oposição pró-síria e a maioria apoiada pelo Ocidente.

Após um encontro com o homólogo egípcio, Hosni Mubarak, Sarkozy afirmou que “a Síria deve parar de falar e começar a demonstrar”. O presidente francês sublinhou que “não manterá contactos com os sírios até que tenha provas de que deixarão que o Líbano escolha um presidente consensual”.

Sarkozy, que visitou o túmulo do antigo presidente egípcio Anwar Sadat, aludiu ainda a Israel, a quem pediu que tome medidas imediatas que favoreçam a criação de um Estado palestiniano independente.

No plano bilateral, a França declarou-se disponível para colaborar em matéria de energia nuclear com o Egipto, que acaba de relançar o seu programa civil.