Última hora

Última hora

Novo ano traz aumentos em Portugal

Em leitura:

Novo ano traz aumentos em Portugal

Tamanho do texto Aa Aa

O ano de 2008 começou mal para a carteira dos portugueses, com aumentos em quase todos os sectores, em muitos casos acima da inflação.

Das taxas moderadoras dos hospitais às portagens, passando pela energia, pelos transportes e pelo tabaco, quase tudo passa a ser mais caro. Mas é no preço do pão que estas subidas mais se vão fazer notar – os aumentos são de entre 10% e 15%. Nalguns casos podem mesmo chegar aos 30%. A culpa é da cotação dos cereais em alta. O arroz pode também vir a ter uma subida semelhante.

Andar nas auto-estradas passa também a ser mais caro. Uma viagem entre Lisboa e Porto passa a custar quase 19 euros em portagens. Os utilizadores, sobretudo aqueles que as usam todos os dias, mostram-se revoltados.

Se o aumento médio estimado para os salários é de 2%, pouco abaixo da inflação prevista, já o ordenado mínimo sobe 5,7%. A má notícia é que continua a ser um dos mais baixos da Europa: 426 euros por mês.