Última hora

Última hora

Nápoles vive mais uma noite de violência

Em leitura:

Nápoles vive mais uma noite de violência

Tamanho do texto Aa Aa

Após mais uma noite de confrontos em Nápoles, o acesso à lixeira de Pianura continuava bloqueado esta manhã. Durante a noite, os dois autocarros que serviam para bloquear a entrada do aterro sanitário foram incendiados e a polícia atacou por várias vezes os manifestantes, chegando mesmo a utilizar gás lacrimogéneo.

De acordo com a agência de notícias italiana Ansa, três “cameramen” que cobriam o conflito foram agredidos e o material de reportagem foi destruído. O governo de Romano Prodi deverá anunciar durante o dia medidas para resolver a chamada “crise do lixo” na região da Campania.

Esta manhã várias centenas de pessoas continuavam a bloquear a entrada da lixeira de Pianura que as autoridades querem reabrir para tratar as mais de 110 mil toneladas de lixo que ocupam as ruas de toda a região.

Só na capital Nápoles, cidade com 5,7 milhões de habitantes, 5200 toneladas de lixo foram despejadas nas ruas e este número aumenta 800 toneladas por dia. A população local rejeita a abertura do aterro sanitário de Pianura, encerrado em 1994, por falta de capacidade para receber mais lixo.