Última hora

Última hora

Prodi anuncia medidas para acabar com a crise do lixo em Nápoles

Em leitura:

Prodi anuncia medidas para acabar com a crise do lixo em Nápoles

Tamanho do texto Aa Aa

Nápoles vai em breve ver-se livre de lixo. Quem o diz é o primeiro-ministro italiano, Romano Prodi, que anunciou em conferência de imprensa que o exército vai intervir nos casos mais urgentes na capital da Campania, região do sul de Itália.

Depois de uma reunião de várias horas com alguns dos seus ministros, Prodi anunciou que “o governo decidiu pôr em prática um plano para assegurar o tratamento dos detritos normais e especiais em lixeiras existentes.”

O anúncio surge depois de mais uma noite de confrontos junto ao aterro sanitário napolitano de Pianura.

As toneladas de lixo que ocupam as ruas de toda a região da Campania elevam-se já a 110 mil. Só em Nápoles, cidade com 5,7 milhões de habitantes, 5200 toneladas de lixo foram despejadas nas ruas e este número aumenta 800 toneladas por dia.

A população local rejeita a abertura do aterro sanitário de Pianura, encerrado em 1994, por falta de capacidade para receber mais lixo.