Última hora

Última hora

Aproximação entre Irlanda do Norte e União Europeia

Em leitura:

Aproximação entre Irlanda do Norte e União Europeia

Tamanho do texto Aa Aa

Abriu-se uma nova era na cooperação entre a Irlanda do Norte e a União Europeia. O reverendo protestante Ian Paisley e o seu antigo inimigo católico do Sinn Féin, Martin McGuinness foram recebidos, esta quinta-feira, em Bruxelas.

O primeiro-ministro e o vice-primeiro-ministro da Irlanda do Norte encontraram-se com o presidente da Comissão Europeia. Durão Barroso fez questão de salientar que a paz alcançada na região devia servir de exemplo a outras zonas da Europa e do mundo.

Ian Paisley retribuiu os elogios. “Aprecio muito o trabalho já realizado e o grupo de trabalho que está formado. A Comissão está a encorajar-nos. As portas da Europa estão abertas”, disse.

Do encontro, saiu a promessa de Barroso, de desbloquear 1,1 mil milhões de euros de ajuda à Irlanda do Norte, até 2013. Uma verba que se soma aos 2,2 mil milhões atribuídos nos últimos 20 anos.

As boas relações entre Belfast e Bruxelas são, contudo, ensombradas pelo espectro de um referendo sobre o Tratado de Lisboa. Os dois dirigentes norte-irlandeses são favoráveis a uma consulta pública no Reino Unido; a Comissão quer evitá-la.