Última hora

Última hora

Milionário da Geórgia na mira da justiça

Em leitura:

Milionário da Geórgia na mira da justiça

Tamanho do texto Aa Aa

A justiça da Geórgia acusa formalmente o magnata e ex-candidato às presidenciais, Badri Patarkatsichvili, de tentativa de golpe de estado e complô terrorista. O milionário está em Londres.

As acusações têm como base um registo de audio difundido pela televisão goergiana onde um homem com uma voz semelhante à de Patarkatsichvili propõe cem milhões de dólares a um alto responsável do ministério do Interior para sequestrar o ministro e declarar na televisão que o governo de Tbilissi o obrigava a falsear os resultados da eleição presidencial.

O milionário goergiano apoiou Saakashvili durante a “revolução das rosas”, mas, entretanto, mudou de campo político.