Última hora

Última hora

Capital Europeia da Cultura arranca em Liverpool

Em leitura:

Capital Europeia da Cultura arranca em Liverpool

Tamanho do texto Aa Aa

Liverpool festejou esta sexta-feira o arranque da cidade como Capital Europeia da Cultura. Um grande espectáculo que trouxe ao centro da conhecida cidade do noroeste de Inglaterra cerca de 50 mil pessoas. Os festejos incluiram fogo de artifício, projecção de luzes, acrobatas, uma lista de mais de 600 artistas.

Foi o primeiro de mais de 350 eventos que ao longo de 2008 deverão trazer à terra dos Beatles dois milhões de turistas extra.

Um dos sobreviventes da mítica banda britânica esteve na festa de aberura. “não eu e o Paul não nos vamos juntar outra vez para tocar”, disse o famoso baterista, adiantando que a “cidade é tão diferente da altura em que eu aqui vivi… mas a atmosfera não mudou, isso ainda cá está”.

Os organizadores esperam que este ano Liverpool, que partilha a organização da Capital Europeia da Cultura com a cidade norueguesa de Stavanger, gere receitas na ordem dos 100 milhões de libras.

O programa para 2008 inclui espectáculos de música e dança, teatro e exposições. Para além das receitas, alimenta as esperanças dos responsáveis em ver a cidade de Liverpool registar um renascimento cultural. Desde Glasgow em 1990 que a Grã-Bretanha não acolhia uma capital europeia da Cultura