Última hora

Última hora

George W. Bush diz que a esperança está de regresso ao Iraque

Em leitura:

George W. Bush diz que a esperança está de regresso ao Iraque

Tamanho do texto Aa Aa

Foi com pompa e circunstância que os mais altos responsáveis políticos do Bahrein receberam George W. Bush.

O presidente norte-americano foi acolhido à chegada pelo rei Hamad Ben Issa al-Khalifa, que desenrolou o tapete vermelho para esta primeira visita de Bush ao pequeno reino do Golfo, quartel-general da V Frota norte-americana.

Esta é a segunda etapa do périplo por quatro países árabes do Golfo do presidente norte-americano. Uma viagem que tem como objectivo obter o apoio destes aliados de Washington contra a “ameaça iraniana”.

Antes da visita ao Bahrein, Bush esteve no Kuweit onde se reuniu com o comandante das forças norte-americanas no Iraque, o general David Petraeus, e o embaixador dos Estados Unidos em Bagdad, Ryan Crocker.

No campo Arifjan, a principal base militar dos Estados Unidos no Kuwait, o presidente norte-americano referiu que “o Iraque é agora um país diferente de há alguns anos. Há ainda muito trabalho a fazer mas os níveis de violência têm sido reduzidos de forma significativa. A esperança está a regressar a Bagdade, às cidades e vilas do país inteiro.”

Bush afirmou ainda que tudo está “no bom caminho” para reduzir o número de tropas norte-americanas no Iraque para 130 mil soldados até Julho.