Última hora

Última hora

Clara Rojas reencontra o filho em Bogotá

Em leitura:

Clara Rojas reencontra o filho em Bogotá

Tamanho do texto Aa Aa

Clara Rojas chegou finalmente a casa. A advogada de 44 anos, recentemente libertada pela guerrilha colombiana, chegou a Bogotá onde já se encontrou com o filho Emanuel, concebido na selva onde Rojas passou quase seis anos. A ex-refém separou-se da criança quando esta tinha apenas oito meses e se encontrava doente. Os rebeldes das FARC tinham entregue Emanuel a um camponês que mais tarde o levou a um hospital.

Desde então tem estado num orfanato à espera da mãe. “foi a sensação mais maravilhosa que alguma vez pude imaginar. Estamos felizes”, declarou a antiga colaboradora de Betancourt.

Ao desembarcar do avião presidencial este domingo, Rojas foi recebida pelo alto comissário para a paz Carlos Restrepo e pelo ministro da Defesa Juan Manuel Santos.

Para além do grupo de governantes, Rojas também tinha à sua espera na capital colombiana um grupo de pessoas que pediam a libertação dos restantes reféns mantidos pelas FARC na selva.

As libertações das reféns Clara Rojas e da antiga deputada Consuelo Gonzales foram as mais importantes no conflito colombiano desde 2001, quando as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia soltaram 300 prisioneiros entre soldados e membros das forças policiais.