Última hora

Última hora

PE aprova novas regras do crédito ao consumo

Em leitura:

PE aprova novas regras do crédito ao consumo

Tamanho do texto Aa Aa

Está aprovada a nova regulamentação europeia dos créditos ao consumo. Os europeus têm o direito de contrair empréstimos num país diferente daquele onde habitam mas, actualmente, só 1% o faz. Com a nova regulamentação, será mais fácil comparar as ofertas de crédito, graças a formulários idênticos, onde a TAEG – Taxa Anual Efectiva Global – será apresentada de maneira uniforme em todos os países.

Os empréstimos ao consumo referem-se a verbas que foram estabelecidas entre os 200 euros e os 75 mil euros. E os consumidores têm 14 dias para voltar atrás e renunciar ao pedido de empréstimo. Este é teor do texto, aprovado no Parlamento Europeu.

O compromisso, alcançado pelos socialistas e pelos liberais, acabou por ter também o apoio dos populares, o maior grupo do hemiciclo.

Os eurodeputados aprovaram também o direito dos credores a reembolsarem antecipadamente os empréstimos, mediante uma penalização que não pode ser superior a 1% do valor em dívida.

Os Estados membros têm, agora, dois anos para transpor o texto para as legislações nacionais.