Última hora

Última hora

A instabilidade reina nas bolsas europeias depois de o presidente do Banco Central ter dado a entender que não baixará as taxas de juro na zona euro.

Em leitura:

A instabilidade reina nas bolsas europeias depois de o presidente do Banco Central ter dado a entender que não baixará as taxas de juro na zona euro.

Tamanho do texto Aa Aa

Após o anúncio de Jean Claude Trichet, Paris, Londres, Frankfurt entraram em terreno negativo depois de esta manhã terem iniciado a sessão a valorizar, reagindo à baixa dos juros nos Estados Unidos. As bolsas asiáticas também responderam positivamente à descida inesperada e significativa dos juros anunciada pela Reserva Federal norte-americana

Uma decisão elogiada pelo governador do banco do Japão. Toshihiko Fukui considerou que os Estados Unidos abordaram o problema de forma apropriada e atempada para evitar os riscos de abrandamento do crescimento económico.

Após ter iniciado a sessão em forte queda, Wall Street fechou ontem com perdas ligeiras reagindo de forma positiva à descida da taxa de juro para os três e meio por cento, o que equivale a um corte de setenta e cinco pontos de base.