Última hora

Última hora

Prodi enfrenta senadores

Em leitura:

Prodi enfrenta senadores

Tamanho do texto Aa Aa

Romano Prodi não desiste e aguarda pelo voto dos senadores para decidir o futuro. O primeiro-ministro italiano reuniu-se esta manhã com o chefe de Estado. Foi o segundo encontro em 24 horas com Giorgio Napolitano.

De acordo com a imprensa transalpina, ontem o presidente tinha pedido ao chefe do executivo para desistir do voto de confiança dos senadores. Um conselho que Romano Prodi decidiu não acatar. Talvez o voto de confiança obtido ontem na Câmara dos Deputados tenha dado uma última esperança ao primeiro-ministro.

Os diferentes partidos da oposição reclamam eleições antecipadas o que a suceder poderá reconduzir Silvio Berlusconi à chefia do governo. A crise foi desencadeada por um pequeno partido centrista que abandonou a coligação no poder por se opor à reforma da lei eleitoral desejada por Romano Prodi.

Face à actual situação os italianos não têm ilusões: “- Se não mudarmos a lei eleitoral dentro de seis meses encontramo-nos na mesma situação.” “- Eu sou de esquerda. Mas neste caso tenho a impressão que eles andam mas é brincar connosco. Sinceramente já não sei o que pensar. Quase que gostava mas era de deixar este país.”