Última hora

Última hora

Prejuízo da fraude bolsista no banco Société Generale ascenderia a 50 mil milhões

Em leitura:

Prejuízo da fraude bolsista no banco Société Generale ascenderia a 50 mil milhões

Tamanho do texto Aa Aa

A fraude bolsista detectada no banco Societé Generale, no início da semana, terá originado perdas de mais de 50 mil milhões de euros. O anúncio foi feito pelo banco francês num comunicado, em que afirma ter intervido a tempo para reduzir os prejuízos a menos de 5 mil milhões de euros.

A instituição financeira tenta assim diminuir o impacto do caso na imagem da empresa, num momento em que o principal suspeito se encontra ainda em prisão preventiva. O corretor de 31 anos, Jerome Kerviel, é acusado de estar por detrás de investimentos de alto risco no mercado bolsista internacional, associados a negócios fictícios.

Segundo um responsável da polícia francesa a investigação está revelar-se frutuosa. Os analistas exprimem no entanto dúvidas quanto à possibilidade de uma só pessoa poder movimentar somas tão elevadas.