Última hora

Última hora

Acordo político entre Sérvia e UE adiado

Em leitura:

Acordo político entre Sérvia e UE adiado

Tamanho do texto Aa Aa

Belgrado e Bruxelas não vão assinar o acordo político intercalar. A confirmação veio da Comissão Europeia. A assinatura estava agendada para esta quinta-feira, mas agora foi adiada. O primeiro-ministro sérvio considera o acordo uma “armadilha” para que a Sérvia aceite a futura independência do Kosovo.

O comissário para o alargamento, Olli Rehn, não poupou críticas: “Lamento profundamente a obstrução feita por certos políticos de Belgrado, que blocam a assinatura do acordo. Na minha opinião, não ouviram a voz do povo sérvio, que votou, no domingo, a favor do futuro europeu da Sérvia. A proposta continua na mesa. Estamos prontos assim que a Sérvia esteja pronta.”

Vojislav Kostunica recusou reunir o governo para dar luz verde ao acordo. O texto previa a liberalização dos vistos para os cidadãos sérvios e a criação de uma zona de comércio livre entre a Sérvia e a União Europeia. Mas, para o primeiro-ministro nacionalista, assinar o acordo seria consentir a independência do Kosovo.

Reeleito no domingo, o presidente pré-europeu Boris Tadic, tinha-se comprometido a avançar com o processo de adesão da Sérvia à União Europeia – independentemente do futuro do Kosovo.

O confronto aberto entre Tadic e Kostunica fragiliza, ainda mais, a coligação no poder.