Última hora

Última hora

Arcebispo da Cantuária faz declarações polémicas sobre a Sharia e o sistema legal britânico

Em leitura:

Arcebispo da Cantuária faz declarações polémicas sobre a Sharia e o sistema legal britânico

Tamanho do texto Aa Aa

O líder da Igreja Anglicana proferiu declarações que estão a levantar polémica no Reino Unido. Rowan Williams, Arcebispo da Cantuária disse esta quinta-feira que a introdução de alguns aspectos da Sharia, ou lei islâmica, na Grã-Bretanha era algo inevitável.

“Nós simplesmente não temos um antagonismo entre dois sistemas legais rivais quando discutimos as leis islâmica e britânica. Reconhecer Sharia é reconhecer um método de jurisprudência regulado por textos revelados em vez de um único sistema”.
As declarações do arcebispo durante um discurso proferido nos tribunais reais em Londres motivou uma reacção governamental.

Jacqui Smith, titular da pasta do Interior: “parece-me que existe neste país uma lei que é determinada democraticamente. Essa é a lei que prevalecerá e essa é a lei que está no coração dos valores que partilhamos em todas as comunidades neste país”.

Mas nem todos receberam de forma negativa as palavras do Arcebispo da Cantuária. Ibrahim Mogra do Conselho Muçulmano Britânico: “Penso que ele é muito gracioso ao sugerir que existe espaço no sistema legal britânico para reconhecimento de aspectos da Sharia. É a grandeza de um grande homem”.

Desde os ataques de Julho de 2005 ao sistema de transportes londrino que a Grã-Bretanha debate a integração dos cerca de 1,8 milhões de muçulmanos que vivem no país.