Última hora

Última hora

Bombeiros tentam determinar causas do incêndio num lar austríaco

Em leitura:

Bombeiros tentam determinar causas do incêndio num lar austríaco

Tamanho do texto Aa Aa

Os bombeiros estão a tentar determinar as causas do incêndio que matou onze pessoas e feriu seis outras, três das quais com gravidade, durante a noite de sexta-feira num lar de terceira idade austríaco.

De acordo com um responsável, 23 idosos e duas auxiliares encontravam-se no interior do edifício quando começou o incêndio.

O fogo começou ao fim da tarde num quarto do primeiro andar do edifício, situado na localidade de Egg, no oeste austríaco, junto à fronteira com a Alemanha.

O chanceler austríaco, Alfred Gusenbauer, diz não ter memória de um incêndio tão catastrófico, com tantas mortes. E que um jovem que viu o incêndio tentou apagar as chamas com um extintor, mas sem sucesso.

De acordo com as autoridades locais, as vítimas mortais eram pessoas que não podiam abandonar as camas sem ajuda.

Os perto de 250 bombeiros que foram destacados para o local conseguiram apagar as chamas no rés de chão e no primeiro andar, mas não puderam chegar aos pisos superiores devido aos elevados riscos de derrocada do edifício.

Sete pessoas escaparam ilesas do incêndio. Os idosos foram colocados noutras instituições da região.